Phytohepatol 2 e 3: qual é a diferença e o que é melhor

O tratamento de muitas doenças somáticas e mentais é baseado em medicamentos. Antes de usar o medicamento prescrito, os especialistas recomendam que você leia atentamente suas instruções. Hoje discutiremos Phytohepatol 2 e Phytohepatol 3. Em quais casos esses medicamentos são prescritos e como usá-los corretamente?

Phytohepatol 2

Phytohepatol 2 é um medicamento à base de plantas . É uma mistura picada composta por frutos de coentro, erva yarrow, folhas de hortelã-pimenta e imortelle de areia.

O sabor amargo e o aroma agradável do medicamento têm um efeito colerético. Fitoterapia é prescrito para pacientes que sofrem de discinesia biliar, hepatite, colecistite crônica não-calculous. A droga recomenda em violação do trato gastrointestinal, síndrome pós-colecistectomia, distúrbios dispépticos, acompanhada de náuseas e perda de apetite. As instruções anexadas ao medicamento indicam contraindicações, ou seja, casos e circunstâncias em que o uso do medicamento possa ameaçar a saúde do paciente.

A coleta de ervas é contraindicada em pacientes com pancreatite aguda, úlcera gástrica e úlcera duodenal. O uso da medicação em questão é inaceitável na colelitíase, na colecistite calculosa e na gastrite durante o período de exacerbação.

Não se esqueça dos efeitos colaterais da droga. Medicamento de longo prazo causa congestão no fígado. O paciente pode superar a azia. O aparecimento de uma reação alérgica não é excluído.

É necessário estudar detalhadamente todos os detalhes de tomar a medicação.

O regime de dosagem depende da forma de liberação do medicamento e das recomendações do médico. O agente terapêutico discutido é frequentemente emitido sem receita médica, de modo que o paciente tem que se concentrar nas prescrições de instrução.

Primeiro de tudo, você precisa preparar corretamente a coleção da planta . Uma colher de sopa de medicação é colocada em uma tigela de esmalte e depois diluída com uma xícara de água fervida. O líquido coberto por tampa é aquecido em banho-maria por 15 minutos . A matéria prima refrigerada à temperatura ambiente é filtrada e comprimida.

Tome três vezes ao dia por ½ xícara meia hora antes das refeições . A vida útil da droga é de 2 anos. A coleta de colágeno deve ser armazenada em local seco e escuro, fora do alcance das crianças.

Phytohepatol 3

O Phytohepatol 3 é um medicamento herbal acessível. Vendido em forma de pó e coleta esmagada. É uma mistura de várias partículas de materiais vegetais. Isso inclui folhas de hortelã-pimenta, flores de camomila, milefólio e flores de Tansy. Uma droga perfumada, mas de sabor amargo, é recomendada como parte da terapia complexa para pacientes com hepatite crônica, colecistite crônica não-calculosa e discinesia biliar. A medicina da planta familiar aos especialistas tem um efeito anti-inflamatório e colerético.

Em alguns casos, o tratamento com este medicamento pode ser prejudicial. Mulheres grávidas e lactantes devem abster-se de coletar vegetais. A droga é contra-indicada em crianças com menos de 12 anos de idade e em pacientes com colecistite calculosa. Antes de usar a medicina herbária recomenda-se consultar um doutor.

Tome ½ xícara 3 vezes ao dia antes das refeições . Um curso de tratamento com drogas é de 2-4 semanas .

Prepare uma tintura de ervas especial sob a força de cada paciente. Duas colheres de sopa da coleção comprada (8 gramas) são colocadas em uma panela de esmalte e diluídas com uma xícara de água quente. A tintura resultante traí um banho de água fervente por 15 minutos. Então a coleção natural deve insistir-se bem na temperatura ambiente durante 45 minutos. O caldo pronto é cuidadosamente filtrado e espremido. Para aumentar o volume necessário, a tintura pode ser diluída com água fervida.

O produto adquirido deve ser armazenado em local seco e escuro. Preparado com tintura de suas próprias mãos deve ser consumido dentro de dois dias.

Comparação e nuances do uso de drogas

Os tipos disponíveis de coleção colerética são semelhantes e ao mesmo tempo diferentes. Ambas as drogas são de origem vegetal. Tanto o Phytohepatol 2 quanto o Phytohepatol 3 são prescritos para hepatite e discinesia biliar. As drogas coleréticas têm certa validade e contra-indicações. Tomamos medicamentos antes das refeições. Medicamentos à base de plantas estão disponíveis sem receita médica. Possua um sabor e aroma específicos.

E, no entanto, medicamentos com o mesmo nome são muito diferentes uns dos outros. A diferença é observada na composição da coleção vegetal. Em Phytohepatol 2 existem frutos de coentro e arenque imortal, enquanto os componentes predominantes do Phytohepatol 3 são as flores de camomila e tansy. A coleção 2 da colagogo é adequada para o tratamento de distúrbios dispépticos e outros distúrbios do trato gastrointestinal. O Phytohepatol 3 é produzido na forma de um pó e uma coleção de ervas e é mais comumente usado para colecistite crônica e hepatite.

O auto-tratamento é perigoso para a saúde. É necessário consultar o seu médico . Ao escolher uma preparação à base de plantas, você deve considerar a presença ou ausência de reações alérgicas a certos componentes naturais. Por violações do trato gastrointestinal e perda de apetite, é prescrito Phytohepatol 2. Para o tratamento de hepatite ou colecistite de forma crônica, os especialistas têm o direito de recomendar uma carga colerética 3.

Seguindo as instruções e instruções do médico, o paciente será capaz de alcançar os resultados desejados na luta contra uma doença dolorosa.

Recomendado

Bifikol e Bifidumbakterin: como eles diferem e o que é melhor
2019
O que é melhor teto de estiramento ou pintura?
2019
O que é melhor "Rinofluimucil" ou "Polydex" e como eles diferem
2019