Como o roubo é diferente do roubo de carro?

Este artigo discute frases como “roubo de carro” e “roubo de carro”. Em ambos os casos, invadir sua "andorinha". Vamos dar uma olhada nesses dois casos.

Roubo de carro

O roubo de carros não é como dominar um veículo. O seqüestro é considerado concluído a partir do momento em que o carro deixou o estacionamento, onde foi estacionado pelo proprietário do veículo. O seqüestro é feito com o objetivo de continuar dirigindo na máquina. Como parte do seqüestro é: em primeiro lugar, a gestão do veículo, em segundo lugar, o participante do seqüestro, em terceiro lugar, é o propósito de andar neste carro.

Roubo de carro - não é nada mais do que a dominação ilegal do carro sem o propósito de roubo ou usá-lo para outros fins, completamente ou em partes, e apenas um passeio não autorizado sobre ele. Este é um delito e é previsto pela parte 1 do artigo 166 do Código Penal da Federação Russa. Responsabilidade criminal por esse crime é uma multa ou prisão. É também o seqüestro que o proprietário controla o veículo como resultado de violência ou risco de vida, uma vez que ele é privado da oportunidade de dirigir seu carro à vontade e ir onde ele quiser. Mas se o veículo após o roubo é usado para vender ou remover quaisquer peças, a fim de melhorar o bem-estar do atacante, então isso já é um roubo de veículo.

A ocasião mais frequente registrada por jovens, com 17 anos de idade - 20 anos. Na maioria das vezes, os criminosos estão em estado de intoxicação por drogas e álcool, daí o desejo de brincar, cavalgar e assim por diante.

Roubo de carro

O roubo de um carro é diferente do seqüestro, pois é o segundo estágio desse crime, ou seja, se após o seqüestro o atacante montou e caiu, então isso é considerado seqüestro, mas se ele foi pego, tudo isso já é um roubo e ele responderá sob o artigo relevante. O principal objetivo do roubo é a apropriação de veículos com finalidade mercenária: a “montagem” do antigo dono, a revenda desse transporte, ou seja, você tem que ganhar dinheiro com o crime. Você poderia até dizer que o roubo de um invasor é um trabalho.

Provavelmente, os criminosos são sequestradores experientes, não são obrigados a pagar por esse crime. Eles estão claramente planejando suas ações. Ao contrário do sequestro de carros, uma “vítima” pré-selecionada é escolhida por roubo, na qual o carro trará ganho econômico aos atacantes. O roubo é feito apenas para garantir a condição do material.

Características gerais de roubo e roubo

O seqüestro e o roubo são ações ilegais que têm características comuns e permitem que o mesmo crime avalie o grau de punição. Primeiro, tanto o roubo como o seqüestro de um carro são um crime envolvendo assalto e entrada em um veículo. Em outras palavras, o objeto da infração em ambos os casos é móvel ou imóvel, o que também acontece com muita frequência, um veículo que tem benefício para o infrator, no caso de roubo, é um passeio e, no caso de roubo, é um benefício econômico. Em segundo lugar, ambos os casos são muito próximos em termos de ofensas criminais, que até mesmo os criminosos que cometeram o roubo referem-se ao fato de que eles simplesmente decidiram dar uma volta, na esperança de que a lei fosse “mais suave”. Em terceiro lugar, para a chamada “vítima” do crime, a vítima, não há diferença do que eles fizeram para o seu carro do ponto de vista legal, ele apenas colocou o carro no estacionamento, e quando ele saiu, ele não estava mais lá.

A conclusão sobre o roubo e seqüestro

Não é necessário se envolver com a lei, especialmente para estar em risco, especialmente desde que confia em pesadas multas e prisão até 10 anos, ninguém precisa disso. No Código Penal da Federação Russa, estes dois artigos: Artigo 158 - traz informações sobre furtos e penalidades, artigo 166 - considera a responsabilidade pelo furto de veículos.

Recomendado

Augmentin ou Sumamed: uma comparação de meios e o que é melhor
2019
O que é melhor escolher um bloco de mola ou espuma de poliuretano?
2019
Phytohepatol 2 e 3: qual é a diferença e o que é melhor
2019